Para Ayrton Senna, 28 anos depois

Hoje, 28 anos de uma das cenas mais tristes que nenhum brasileiro jamais esquecerá – aquele terrível acidente em uma curva em Ímola, GP da Itália, 1994.

Ali se encerrava a notável carreira do piloto Ayrton Senna, brasileiro, paulista, Corinthiano.

Nunca mais as madrugadas com respiração suspensa na frente da TV acompanhando sua coragem, seu desempenho inigualável.

Nunca mais a pequena Bandeira do Brasil tremulando sobre o cockpit na volta de mais uma vitória. E nosso orgulho explodindo ao ver seu sorriso no degrau mais alto do podium, lugar que era seu por direito e destino.

Tudo já se falou. Pouco a falar desse rapaz extraordinário, seja como piloto, profissional, filho, brasileiro…

O que falar sobre o mais absoluto silêncio nas ruas de São Paulo, na triste trajetória do carro de bombeiros levando seu esquife…

Senna, nosso piloto maior, “sua” música nos emociona até hoje…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s