Aldravias

Ontem a querida amiga Ana Maria Tourinho apresentou-me às Aldravias. Apaixonei-me.

Leio e releio seu lindíssimo Desfolhando Aldravias – e deleito o olhar – a fotografia primorosa do livro é simplesmente maravilhosa.

Penso nos Lusíadas e outros poemas épicos. Penso em Castro Alves e outros poetas clássicos.

Penso nos sonetos e em Vinicius de Morais.

Lembro-me dos haicais e Guilherme de Almeida.

Agora são as Aldravias, nova forma poética, trazida pela poetisa Andrea Donadon Leal…

“O máximo da poesia, no mínimo de palavras”

Seis palavras. Um poema:

                   conto

                   poema  

            prosa – poética

                   trova

                 aldravia

               inspiração

 

E ainda:

 

                 caneta

                    na

                  mão

                ideias

              brotam

              escrevo

 

Desafiou-me. Apresentei minha primeira Aldravia. Apaixonei-me.

                aldravia

                  verso

                  ideia

                poema

                 nova

                poesia

Não sei o que será de meus poemas e sonetos. O que será de meus haicais e trovas…

 

 

 

2 comentários em “Aldravias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s