Não deixe que morra em mim 
essa vontade de amar
Porque para o amor fomos feitos.
O amor é nossa essência
Nosso alimento e repouso.
Nem deixe que morra em mim
Essa paixão que me consome
Que é a razão de meu viver
E mantém viva a chama do amor
Que também nunca morra em mim
Essa tão imensa saudade
Que me sustenta e me arrasta
Põe-me de pé a cada queda
Motiva todo meu viver
E dá a certeza do futuro
Que eu processo como uma fé
Saudade de amar e ser amada
Mantém viva minha paixão
A marca perene do meu amor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s