Para ser não é preciso ter

Algumas vezes é difícil entender a relação entre os verbos ser e ter.

Quantas pessoas pensam que, para ser, é preciso ter.

E assim seguem vida afora tendo, ainda que à custa de dor e sofrimento alheio, de dívidas impagáveis, de terremotos e furacões existenciais, mas sempre necessitando ter para sentir ser.

Essas pessoas precisam de bens, muitos bens. Ainda que dispensáveis, inúteis, mas precisam ser donos. E precisam de coisas, de animais, de pessoas.

Vivem cercados de quinquilharias, em um ambiente poluído de excessos, mas só desta forma se sentem pessoa.

E precisam ter animais.

Negam aos bichos sua natureza – prendem pássaros em gaiolas (às vezes até mutilam suas asas ou cegam seus olhos), e se deleitam com o canto da ave, que não canta de alegria, mas de desespero pela falta do voo, da natureza, da vida livre.

Obrigam cães a viverem o dia e dormirem (em camas!) à noite, a usarem roupas, a deixarem de lado sua natureza de guarda e de caça, para viverem como réplicas mal feitas de humanos.

Na marra dão banho de água e sabonete em gatos, e os prendem em casas e apartamentos, sem que possam caçar, correr, saltar, dar existência à natureza de um felino.

Todos comem o que o dono quer, não há caça, não há liberdade, não há alegria, apenas a vaidade de uma pessoa.

Não se contentam em possuir um animal de estimação, violentando sua natureza, separando-o de todos os outros de sua espécie, causando um sofrimento contínuo ao bicho, mas ainda querem impor comportamento humano (à sua imagem e semelhança) aos coitados. Perdem toda sua natureza, tornam-se, apenas animais cativos.

E também prendem pessoas, amarram relacionamentos falidos, mas mantêm outras pessoas aprisionadas afetiva ou emocionalmente, negando sua essência humana de alma livre, e, se o outro resolve ir embora, morre nas mãos do “dono”.

Que raio de ser são esses humanos, que nascem tão incompletos, que precisam ter para conseguir ser???????

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s