Texto de Gesiele Kamikawachi – Às vezes

Às vezes você consegue me deixar tão feliz a ponto de eu me esquecer de todos os meus problemas; começo a achar que sou única e perfeita pra você, que você me ama cegamente como nunca amou outro alguém, a ponto de dar sua vida pela minha.

Às vezes quando não estou bem, um simples olhar acolhedor e um abraço seu já me confortam de alguma forma e me trazem calmaria, e, às vezes, eu acho que você nem percebe que tão pouco, naquele momento, para mim significava muito. Coincidentemente, às vezes com uma simples palavra você consegue me magoar tanto a ponto de eu criar dúvidas sobre mim mesma, e eu fico me martirizando a madrugada inteira, enquanto você tem uma boa noite de sono e, às vezes, você nem percebe o quão eu estou cansada pois na noite passada não consegui dormir porque você foi o motivo da minha insônia.

Às vezes quando estamos brigando você me olha, e seu olhar acaba comigo, me desestabiliza, às vezes até me envergonha, e, durante a madrugada eu me pergunto: eu sou forte o bastante? Eu sou boa o bastante? O que tem de errado comigo?

Às vezes, quase sempre, acabo me culpando por tudo que acontece, eu não sou perfeita, eu só queria que você me achasse perfeita.

Às vezes, eu me pergunto, será que você realmente me ama ?

Às vezes você é tão frio comigo, que eu fico em dúvida, eu tento conversar, eu tento fazer o certo, eu tento fazer tudo como você me pede, mas você nunca vai enxergar isso, por mais que eu te mostre.


Às vezes eu me sinto tão sozinha, sem ninguém pra poder desabafar e a única coisa que eu queria era poder me sentar com você e me abrir verdadeiramente, queria que você me entendesse, sem me julgar ou me condenar, me ouvir apenas.

Às vezes você diz que vai mudar, que está passando por uma fase difícil, que precisa de ajuda, e eu te ajudo, sempre tentei te ajudar, muita das vezes você não quis me ouvir, afinal eu sou muito ingênua quando se trata de sentimentos, e às vezes você não vê que eu estou me perdendo de mim para tentar chegar até você, eu não estou bem, eu estou cansada de tentar sempre sozinha, mas mesmo assim eu estou sempre a sua disposição, não por obrigação, e sim porque eu te amo e, infelizmente, não escolhemos quem amamos.

Às vezes eu acho que o problema é que eu sou muito intensa, em todos os quesitos, e você é muito raso, nunca soube me responder o porque me ama..

Às vezes eu acho que você nem sabe o que é amor, e a única coisa que eu sei é que pra suportar tudo isso eu tenho que te amar muito, mais do que a mim mesma.

(Imagem: banco de imagens Google)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s